6 dicas para reorganizar a gestão de fornecedores para o próximo ano

Te explicamos como reorganizar sua gestão de fornecedores para começar 2022 com tudo, conquistando melhores resultados!

Seja sua empresa uma startup, uma varejista com operação em alguns estados ou uma indústria multinacional, a gestão de fornecedores é um tema crítico — especialmente no pós-pandemia.

Uma boa gestão de fornecedores pode dar às empresas o poder de mapear todo valor agregado por cada parceiro comercial ao longo do tempo, detectando ineficiências, falhas e oportunidades de melhorias para a operação ou seu relacionamento.

O ideal é conseguir balancear as coisas: uma relação saudável e positiva, com resultados financeiros também positivos e lucrativos ao máximo.

Mas como fazer isso, especialmente olhando para um 2022 de recuperação e movimentação mais intensa das empresas? É o que vamos te explicar nesse conteúdo, confira:

1# Gerencie as expectativas

Sempre que contratar um fornecedor, certifique-se de que todas as partes interessadas tenham um entendimento claro do que o acordo envolve.

Tanto sua equipe quanto a deles devem saber o que se espera em termos de resultados, indicadores-chave de desempenho e quais canais de comunicação utilizar.

Isso, combinado com atualizações regulares entre seus times, vai evitar confusões que podem custar caro para seu bolso ou ameaçar a integridade dos relacionamentos que você mantém com fornecedores.

2# Estabeleça canais para uma melhor comunicação

Acredite: a comunicação com seus parceiros comerciais é um importante fator para o sucesso da gestão de fornecedores — algo que, muitas vezes, é relegado.

Mas veja bem: a comunicação é a chave para qualquer relacionamento saudável. A comunicação cria transparência em ambos os lados da operação, evitando gargalos ou erros simples.

Por isso, possuir as ferramentas certas que permitem que as equipes internas e externas se comuniquem e compartilhem rapidamente documentos e outras informações capacita a implementação de uma conversa mais transparente e equilibrada.

Como fazer isso? Você pode começar pelo simples, estabelecendo canais convenientes, controláveis e fixos para a comunicação entre times.

Por exemplo, você pode definir o e-mail como o principal, mas o WhatsApp com os responsáveis pela operação para alinhamentos pontuais.

3# Personalize o atendimento aos fornecedores

Além de estabelecer os canais mais adequados, lembre-se que a personalização do atendimento pode fazer toda diferença na qualidade do relacionamento.

Por isso, faça questão da sua empresa sempre procurar construir relacionamentos próximos com cada fornecedor.

Se necessário, atribua um representante para cada conta (ou para algumas, quando se tratar de fornecedores menores), garantindo que eles sejam sempre bem atendidos.

Na era das cadeias de suprimentos estruturas, redes de fornecedores e negócios digitais, um representante dedicado pode ajudar a construir um relacionamento positivo e produtivo, que tenha ainda um toque pessoal importante.

4# Sempre confira e revise as obrigações contratuais

Um aspecto pouco lembrado da gestão de fornecedores é a importância de uma boa gestão de contratos, concorda?

Os tomadores de serviço e clientes em geral (ou seja, sua empresa) precisam ter a confiança de que o fornecedor está entregando aquilo para o que eles estão sendo pagos.

Em uma relação contratual positiva, ambos os lados entendem e cumprem suas obrigações.

Ou seja, eles sabem seus direitos e conhecem suas obrigações — e fazem de tudo dentro do possível para cumprir com isso.

5# Saiba que você não é o único cliente

Muitas empresas exigem um tratamento especial de seus fornecedores — o que faz todo sentido, afinal estão pagando para receber algo e, além disso, querem construir uma relação rica e qualificada.

No entanto, tenha empatia: sua empresa não é a única cliente de seus fornecedores.

Seus vendedores sabem como lidar com vários clientes diariamente: um desafio, não importa o tamanho do negócio ou seu segmento.

Nos diga: nesse cenário, em vários casos, seu time já precisou priorizar uma demanda em detrimento de outra, correto? Ou teve que lidar com emergências repentinas que prejudicaram outras entregas, não é?

Saiba que isso acontece em toda empresa — por isso, dentro do possível, recomendamos que você tenha empatia quando suas demandas não forem atendidas de imediato.

6# Confie na tecnologia

Vamos lá: estamos chegando em 2022 e você ainda não automatizou os processos dentro do setor de compras

É hora de mudar a mentalidade e abraçar conceitos inovadores, como Compras 4.0 e automação!

Uma solução que pode ajudar sua empresa é o U-qualify, sabia? Trata-se de um software inteligente de automação da qualificação de fornecedores!

Sabe aquele processo que um ou mais membros do seu time passam horas — e às vezes dias — encarregados? Então, o U-qualify o automatiza de ponta a ponta, desde a homologação.

Com o U-qualify, você tem em mãos o melhor que um Smart Supplier Qualifier pode oferecer: homologação e requalificações periódicas em mais de 20 fontes oficiais de verificação.

Além de automatizar as consultar e integrar o U-qualify a vários ERPs diferentes, você pode personalizar as regras para compliance.

Assim, o U-qualify verifica exatamente o que sua empresa precisa dos fornecedores.

 

Gostou das nossas dicas? Esperamos que elas ajudem você na gestão dos fornecedores para 2022.

E lembre-se que o U-qualify é a melhor solução para automatizar a qualificação dos seus parceiros comerciais! Que tal testar gratuitamente?

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Software para homologação de empresas com mais de 20 fontes de verificação.

Nos acompanhe

Entre em contato

Telefone: (11) 4280-8482

E-mail: contato@uqualifyapp.com

© U-qualify – Todos os direitos reservados 2020-2021.